TRADUÇAO / TRANSLATE / TRADUCCIÓN

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

10.- MANIFESTAÇÕES DE AGRADECIMENTOS E ENEM


ANO
 9
LIVRARIA VIRTUAL em www.professorchassot.pro.br
EDIÇÃO
 2953

Abro a blogada desta segunda-feira, registrando com muita emoção, a homenagem recebida de meu colega Jairo Brasil. Este meu (ex)orientando, (que se afilia a crença de que o orientador nunca se torna ex), mantém há mais de sete anos o muito conceituado e concorrido   “Blog do Prof. Jairo” — http://profjairobrasil.blogspot.com.br/ — com periodicidade semanal. O Jairo tem como nuclear de seu fazer profissional (e, também, mote de seu blogue) a segurança do trabalhador. Nisso ele tem expertise, ministrando cursos e proferido palestras acerca do tema.   Na edição em circulação, meu amigo tece loas ao meu trabalho que se espraia por diferentes geografias do Brasil outorgando-me um título carinhoso: UM MENESTREL DO SABER CIENTÍFICO.
As loas proclamadas são devidas mais à amizade que o Jairo e eu cultivamos do que aos meus méritos. O que não significou que não tenha ficado profundamente emocionado.
Amplio o sentimento de gratidão reconhecido ao Jairo para agradecer cada uma e cada um das centenas de pessoas que me acarinharam das mais diferentes maneiras pelos meus 75 anos. Comoveram-me muito especialmente aquelas e aqueles que associaram as homenagens a minha contribuição à disseminação da alfabetização científica. Ao lado de mensagens, telefonemas, abraços amáveis, claro que os acarinhamentos mais numerosos ocorreram no Facebook.   Por ocasião do aniversário, temos nos ego polido como nunca. Sou informado que houve 342 mensagens congratulatórias.
Algo quase inexplicável ocorreu com mensagem postada por minha filha Ana Lúcia (claro que marcada por exagero na admiração filial) que teve 309 curtidas, dezenas de comentários, inclusive de um ex-aluno de 1961 do qual nunca mais tivera referência. Obrigado Carlos Kerwald.
Cabe, um comentário acerca do Enem realizado por mais 8,5 milhões neste sábado e domingo. A importância do exame pode ser traduzida por um aumento de 17% em relação a 2013. Há alguns dados que impressionam: 57,91% se declararam negros e 37,70% brancos. As mulheres são a maioria (58,11%). 73,55 são egressos da rede pública ou comprovaram carência. 1,3 milhão tem mais de 30 anos dos quais 15,5 mil são idosos. Quase 170 mil recebeu algum tipo de atendimento especial.
Gostaria de saber qual o retorno que tiveram os meninos que transformaram mesadas em ‘canetas esferográficas transparentes pretas’ e para comercializá-las nas imediações das escolas.
Agora, como encerramento, transcrevo um diálogo telefônico ocorrido quase 13h do último sábado.
— Aqui é Maria, da Rádio Gaúcha! Queria falar com o Professor Chassot!
— É ele. Ao dispor!
— Qual é a sua opinião sobre o Enem?
— Parece-me um sistema de avaliação cada vez mais universal e pois, facilita um acesso à universidade de maneira mais democrática, pois...
— Obrigado, mas queremos ouvir pessoas mais críticas, o senhor não serve!
— (Indigno-me) Que entendes por pessoas mais críticas?
— Queremos ouvir aquelas que saibam criticar o exame sendo contra.
Ela desliga. Ponho-me estupefato. Vou ter que aprender a ser mais crítico, mas não serei pautado pela cartilha da reporterzinha. 

6 comentários:

  1. Pelo que entendi, a jovem Chalaça não queria uma opinião, amealhava apenas partidários da sua. Conheço essa como imprensa marrom.

    ResponderExcluir
  2. Receba meu abraço e minha solidariedade, diante da pobreza intelectual da repórter que tomou seu precioso tempo à toa. Ela nem sabe à qual imprensa pertence.Releve.

    ResponderExcluir
  3. Acróstico ENEM

    Um universo de jovens motivados
    Mexem apostilas ocupam a cabeça
    Em busca sadia a serem avaliados
    Num exame que ótimo lhes pareça.

    Surge no horizonte então o ENEM
    Avalia estudante, ensino e escola
    Indiscutível a sua validade também
    Onde aquele que sabe não enrola.

    Palavra tem muito valor na redação
    Assim o vernáculo só ganha afinal
    Rapazes e moças em massa afluirão
    Ascendendo de vez mais um degrau.

    Vida assim segue com esse exame
    Indiferentes perdendo oportunidade
    Dum ensaio para vida este certame
    Aumenta as chances da menoridade.

    ResponderExcluir
  4. Dizem que os medíocres nem sequer elegantes são. Que pobreza intelectual. Mas com certeza: a jovem repórter deve ser bonita, fisicamente. Ou com um QI elevado (alguém Que Indicou acima de 1,80cm). Parece piada, não fosse verdade.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. ENEM...
    Meu caçula participou do "evento" e chegou em casa sem forças físicas no final da tarde de domingo. Na sua fala algumas denúncias de que muito temos a ampliar nas discussões acerca da relação esforço intelectual x esforço físico. Assim ele se anunciou:
    _ Mãe, estou acabado! Não sei explicar, mas sinto meu corpo esgotado! Nunca pensei que esforço mental pudesse levar à exaustão do corpo! - e completando com a célebre frase de 99,9% dos adolescentes emendou: _ O QUE TEM PRA COMER???... quase perguntei: _ Para satisfazer o corpo ou o intelecto?!... mas conformei-me, naquele momento, de me dirigir à cozinha!!!

    ResponderExcluir